A Microsoft tentou comprar a Nintendo, mas foi ridicularizada